“O Começo da Vida” – Um Filme Marcante Para Todos!

“O Começo da Vida” – Um Filme Marcante Para Todos!

Olá meninas,

Ontem fui assistir ao documentário “O Começo da Vida“. Eu estava muito ansiosa para ver este filme. Sabia que ele seria transformador na minha vida. Que não teria como assistir e não deixar as lágrimas caírem!

Pois foi exatamente o que o filme provocou em mim: muitas lágrimas… chorei de soluçar! Cheguei em casa e fui abraçar meus filhos. Queria sair do cinema e abraçar os dois. Dizer o quanto eu os amo. Olhar para eles e mostrar que sim, eles vão poder contar sempre comigo. Queria dizer que o momento mais feliz do meu dia é quando eu estou perto deles. Que o tempo que passo com meus filhos é o meu maior investimento.

afd3e488-49b1-44ca-85aa-aef46c51d74b

O filme é de uma sutileza ao tocar assuntos tão primordiais para a humanidade: a importância dos primeiros anos de vida de uma criança. Que neste começo o que a criança mais precisa é de atenção, amor, entrega e tempo! Para nossos filhos, nada é mais valioso do que a nossa presença!

Essa presença, não é apenas da mãe! Um pai é tão responsável quanto uma mãe na educação de um filho. Assim, como o meio ao qual esta criança pertence também é responsável por ela. Afinal, qual o papel da sociedade na formação saudável deste indivíduo?

Sim, todos os especialistas que ali estavam dando seus pareceres são profissionais preocupados com a formação da criança. Com o bem estar destes pequenos. O filme me fez pensar na minha realidade. Em como tenho desempenhando meu papel de mãe e de pessoa responsável pela formação dos meus filhos e também das outras crianças com as quais eu tenho contato. Afinal, um dos pontos que achei mais tocante, foi em que se diz que uma criança não é apenas de uma mãe. Essa criança tem um pai, tem avós, tem tios, vizinhos e toda uma comunidade.

Eu me emocionei ao lembrar do meu parto, dos primeiros meses de vida, dos primeiros passos…me peguei refletindo em como sinto vontade de ficar mais tempo com meus filhos, em como é fundamental brincar com eles, aprender com cada situação nova que ele nos mostram. Experimentar junto com uma criança. Dar liberdade para que ela floresça.

O filme toca em um ponto que acho crucial: a sociedade precisa entender que o tempo que uma mãe ou pai passam com seus filhos é fundamental para a formação de um mundo melhor! Crianças que possuem vínculos afetivos e se sentem amadas e acolhidas vão ser pessoas menos violentas e mais felizes.

Eu recomendo o filme para todos. Independente de ter filhos ou não. Todos aqueles que tenham uma criança por perto, queiram gerar uma vida, sejam pais, trabalhem com educação com certeza serão tocados com as experiências que “O Começo da Vida” nos oferece.

Eu ainda estou digerindo todas as informações do filme. Provavelmente vou assistir mais algumas vezes. Preciso entender tantos pontos marcantes da história de uma criança. Saber como ser melhor na formação dela.

Enquanto eu almoçava com meu marido e contava sobre alguns trechos do documentário, eu voltei a chorar. Cada depoimento que eu falava para ele eram com lágrimas. Um filme enriquecedor, esclarecedor, comovente, lindo e fundamental.

download (4)

Uma oportunidade para pensar em como tenho conduzido minha vida de mãe. Em como amo ser mãe e estar perto dos meus filhos. Uma oportunidade para que eu entenda que outras crianças também precisam de mim. Que devemos olhar com muito cuidado para os primeiros 1000 dias de formação dos pequenos. Que a vida passa muito rápido e que cada ato feito hoje vai ser a possibilidade de um mundo melhor amanhã!

download (3)

 

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *