Mamãe, o tio dá balinhas…Ele é muito bonzinho – O que há de errado com essa frase?

Mamãe, o tio dá balinhas…Ele é muito bonzinho – O que há de errado com essa frase?

Outro dia vi um vídeo em que um homem tentava roubar a menina do lado da mãe. Foi num piscar de olhos para o bandido agir. Felizmente a mãe teve um reflexo muito rápido e conseguiu salvar a filha.

Uma outra matéria mostrava o relato de uma mãe contando sobre uma mulher que conversava com elas todos os dias na rua. A mulher sondava a rotina da mãe com o filho. Até que um dia a mulher tenta roubar o bebê dos braços da mãe. A mãe consegue puxar o filho e grita no meio da rua. Nisso a mulher sai correndo, entra em um carro e foge.

Pelo amor de Deus em que mundo vivemos?

Não é de hoje que sabemos que as crianças são vítimas fáceis neste nosso mundo.

child-1152327_960_720

Resolvi conversar com Raquel sobre o perigo de conversar com pessoas estranhas. Falei que ela não poderia ficar conversando com pessoas que ela não conhece sem a mamãe ou o papai estarem junto. Fiz questão de mostrar o vídeo da tentativa de roubo da menina para que ela entenda que existem pessoas malvadas no mundo.

Foi então que Quel me falou a seguinte frase: “Mamãe, mas o tio do mercado é bonzinho. Ele sempre me dá balinhas”

Essa afirmação inocente da Raquel me fez pensar que geralmente os casos de abuso contra crianças acontecem com pessoas que nós conhecemos e confiamos. Não estou dizendo que o senhor que dá a balinha para ela vai abusar dela, mas estou afirmando que muitas vezes nossas crianças são abusadas embaixo do nosso nariz.

Conversei com Raquel e disse que tudo que ela ganha das pessoas, eu preciso ver antes de ela comer ou usar. Que ela só pode aceitar coisas das pessoas se ela me perguntar antes. De verdade, eu não sei em quem confiar quando o assunto é a segurança dos meus filhos.

Prefiro sim, pecar pelo excesso do que meus filhos virem a sofrer algum tipo de abuso ou violência.

Outro ponto da conversa que tenho de vez em quando com a pequena é que ela não deve deixar outras pessoas tocarem no corpo dela. Que se fizerem isso, ela deve contar para mamãe. Que se a pessoa disser que é um segredinho entre eles ou fizer qualquer tipo de ameaça para ela, ela deve sim contar para mamãe e papai.

Sei que muitas crianças sofrem ameaças de seus algozes que por vezes dizem que se a criança contar para os pais, os mesmos vão brigar com ela ou que a criança vai ficar sem aqueles que ela ama tanto. Mas temos sim que bater na tecla de que as crianças devem confiar em nós em primeiro lugar.

Esse assunto me deixa bem receosa. Algo que não deveria existir neste mundo mas que infelizmente a gente vê todos os dias estampado nos noticiários.

Vamos proteger nossos filhos! Cuidar nunca é demais!

Por que Você Não Deve Forçar Seu Filho a Mostrar Afeto Físico

Comentários

2 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *