A Importância da Relação Entre Avós e Netos!

Eu era uma jovem tola! Lembro que meu pai sempre dizia para mim “quando tiver meus netos eles vão morar comigo” e eu na minha santa ignorância respondia “Quero morar bem longe pois filho meu vai ser meu”!

Na minha cabeça não existia esse lance de avós cuidando de netos. Eu pensava que meus pais iriam roubar os meus futuros filhos ou mimar eles demais. Melhor manter distância pensava eu.

Pois bem, esse era o meu pensamento bem antes de me tornar mãe. Eram as ideias de uma mulher que não entendia nada de maternidade e de crianças. Que não tinha a mínima noção de como a figura dos avós são extremamente necessárias na vida de crianças.

Eu continuo afirmando como eu era uma tremenda idiota em dizer essas coisas, visto que as minhas avós foram pessoas tão importantes na minha vida. Amava as duas! E guardo lembranças tão fortes e meigas delas.

Pois bem, me tornei mãe e comecei a entender a importância de uma rede de apoio na vida de uma mãe e de seus filhos. Comecei a entender de verdade que avós não roubam filhos e sim os amam tão intensamente como a gente os ama.

Ok, em alguns casos é preciso dar limites para esse excesso de amor. Mostrar que os pais da história ainda são os responsáveis pela forma de educar e tal. Mas acertado estes detalhes, os avós são puro amor!

É papel principal deles amar e amar sem limites aquele netinho que os faz retornar aos tempos em que nós éramos seus queridos bebês. É função deles brincar, contar histórias, dar o doce fora de hora e sim, pegar em seus braços e não querer desgrudar mais.

Hoje, com trinta e seis anos na cara eu entendo a real importância dos meus pais na vida dos meus filhos. E sinto tanto por eles morarem longe. Sinto tanto por eles não poderem roubar meus filhos de mim para passar os finais de semana para passar horas na casa deles sem fazer nada a não ser bagunça.

Eu queria que quando meu filho diz “quero o vovô Reni”, eu pudesse ter uma máquina de teletransporte para estar perto dele. Queria que meus filhos convivessem muito com os avós!

Hoje ouvi uma história de uma amiguinha de Raquel que disse “Minha avó foi viajar e nunca mais voltou. Ela brigou com meu pai e foi embora”. Ela falou isso com a voz super triste e eu fiquei pensando como essas coisas chatas de gente adulta pode prejudicar tanto o convívio em família.

Avós não deveriam brigar com os filhos… pois se assim o fazem acabam ficando longe de quem os ama tanto: os netinhos.  Netos só querem desfrutar do carinho e da atenção dessas pessoas tão queridas e especiais. Eles querem ser carregados no colo. Querem brincar de qualquer coisa. Não se interessam nas tretas de adultos chatos.

Eu realmente me orgulho do pai que tenho. Do avô que ele é! (Minha mãe também é uma vó bacana, mas ela é mais contida, na dela). Mas meu pai é o cara que leva a sério os netos. Que tem orgulho de levar no parquinho, de comprar porcaria, de ser feito de gato e sapato pelos netos.

Enfim, este texto é só para dizer que finalmente eu entendi que ter avós participativos é ter a possibilidade de ter uma vida muito mais feliz!

As Perninhas Curtas do Seu Filho Fazem de Tudo Para Acompanhar Você

Comentários

Sem Comentários para "A Importância da Relação Entre Avós e Netos!"

    Participe!!