Bolsas de Maternidade ao Redor do Mundo (Parte 1)

04/03/2017Por 0 Comentários

Preparar a mala da maternidade é uma das coisas mais importantes da gravidez! è a hora de montar a bolsa mais importante das nossas vidas. Eu montei a bolsa da Raquel com bastante antecedência. Já a do Samuel demorei um pouquinho mais. 

A ONG internacional WaterAid lançou o Projeto Deliver Life, que visa atingir 130.000 mães e suas famílias em todo o mundo com água potável, e como parte de divulgação desse trabalho eles criaram uma matéria super criativa e interessante sobre como várias mães ao redor do mundo montam as suas bolsas de maternidade.

Se’ada, Etiópia

Na Etiópia, Se’ada está esperando seu primeiro bebê. Junto com roupas de baixo frescas, um vestido solto e uma manta, sua bolsa de maternidade contém pequenos pedaços de tecido que podem ser usados como fralda para seu recém-nascido. Ela também está levando uma toalha, para segurar seu bebê.

“Em casa, nós compartilhamos a torneira e o banheiro com os nossos proprietários. O banheiro parece que pode desmoronar a qualquer momento”, diz ela. “Mas de alguma forma, eu consegui. Eu fiz meu atendimento pré-natal aqui. É meu primeiro filho, então eu estou com medo.”

Fotos: WaterAid/Behailu Shiferaw

Hazel, Zâmbia

Sem água potável, as parteiras lutam para lavar as mãos entre os nascimentos. Elas também lutam contra as probabilidades de manter a limpeza, instrumentos médicos limpos e sem mencionar itens essenciais como a cama.

Sem água potável na clínica onde ela vai dar à luz no distrito de Monze, a futura mamãe Hazel tem uma bacia como item a ser levado na bolsa. Ela também está levando um plástico preto para colocar na cama, para tentar reduzir o risco de folhas impuras na hora do parto. Sua bolsa de maternidade incluem um cobertor para o bebê, algodão, toalha e roupas para o bebê. “Temos um poço na clínica, mas não há água corrente na maternidade”, diz ela.

Fotos: WaterAid/Chileshe Chanda

Veja a Minha Mala da Maternidade

Katy, Austrália

Em Melbourne, Katy seguiu à risca a lista de itens que o hospital recomenda para dar à luz, incluindo artigos de higiene pessoal, lanches e óleos de massagem para ajudá-la a relaxar. Outros itens que constam na bolsa de maternidade da Katy são roupas para o bebê, roupas para ela e almofadas.

“O hospital me manteve sempre bem informada e estou confiante em termos de saber o que esperar” diz ela. “Eu nunca me preocupo se o lugar é higiênico ou não, pois eu sei que em toda parte da Austrália há instalações higiênicas. O hospital é um ambiente muito limpo e estéril. É inacreditável que as mulheres estejam lidando com o estresse diário da gravidez e a perspectiva do parto, assim como o fardo da coleta de água.”

Fotos: WaterAid/James Grant

Deanna, Estados Unidos

Deanna está esperando para dar à luz naturalmente, de modo que sua bolsa de maternidade está cheia de itens para ajudá-la a lidar com as dores das contrações, incluindo um leitor de música, óleos de coco e lavanda e gel de arnica.

“Tenho muita sorte em viver a uma curta distância de um hospital”, diz ela. “Estar grávida certamente aumenta a sua consciência de como somos sortudos por ter acesso a grandes instalações de parto e água limpa. Você quer o melhor para o seu bebê e é devastador pensar sobre perigos como água contaminada e instalações sem higiene.”

Fotos: WaterAid/Deanna Neiers

Veja 7 Dicas para o Enxoval do Bebê

Via: WaterAid

Tradução – Mágicas de Mãe

Comentários

Categorizado em: MamãeRoupas de Bebês e Crianças Tags:

Deixe um recado