Amamentação – Perguntas Frequentes

Amamentação – Perguntas Frequentes

A amamentação é um dos momentos mais aguardados pela mulher. É desejo da maior parte das mulheres amamentar o filho. Mas amamentar nem sempre é fácil. São muitas dúvidas que tomam conta das mamães.

Outro dia escrevi um texto “Não Existe Leite Fraco! Existe Palpite Chato!” e recebi várias dúvidas a respeito da amamentação.  A Dra Celeste P. Demeterco Reggiani Prizibela que é ginecologista e obstetra respondeu algumas das perguntas enviadas pelas leitoras.

Se você também tiver alguma dúvida, envie sua pergunta para nosso email contato@magicasdemae.com.br

1 – Existe leite fraco?

Não.

2 – Posso passar bucha no peito antes do bebê nascer?

Antigamente, essa era a orientação. Hoje a maioria dos médicos orienta apenas tomar banho de sol nos mamilos 5 minutos por dia.

3 – Se eu tomar muito leite vou ter mais leite?

Não.

4 – Preciso seguir dieta?

Após o nascimento do bebê, tomar muito líquido. Alguns pediatras ainda orientam evitar alimentos que gazes em você, pois acreditam que também geram desconforto no bebê. Mas muitos médicos já estão descartando isso.

521965_2549539597605_1523529603_n

5 – O que deve ser evitado?

Deve ser evitado leite de vaca e bebida alcoólica.

6 – Eu praticamente só almoço e janto, não sou de comer frutas, mas como legumes e estou bebendo bastante água. Será que corre o risco de ir pouco nutrientes para o leite?

Uma mulher com nutrição deficiente vai ter uma produção de leite reduzida, portanto, já durante o pré-natal terá que mudar seus hábitos alimentares para ajudar tanto no crescimento normal e saudável do seu bebê quanto o futuro leite.

7- Alguma consideração para mães que fizeram mamoplastia redutora?

Na maioria das mamoplastias redutoras é retirado o tecido mamário junto com pele e gordura. Isso faz com que a área produtora de leite seja reduzida e pode afetar sim na produção de leite.

Diferente da colocação de prótese que não retira tecido mamário. Nesse caso a amamentação é normal.

8 – Oi, o que tu acha dos bicos de silicone para amamentar? Já que não pega a aréola toda? Pode ser por isso que minha produção não é muito grande pro meu bebê de 40 dias?

O bico de silicone é indicado para as pacientes cujo bico do seio seja muito pequeno dificultando a pega pelo bebê.

9 – Pessoal meu seio está um maior que o outro, depois que parar de amamentar vai ficar assim? E como vou saber que o peito esvaziou?

As mulheres têm tamanhos diferentes entre os seios. Aquele que era maior antes, produzirá mais leite. Ficará maior na amamentação. O segredo para que ele não fique assim para sempre é estimular mais mamadas no outro seio para que se igualem.

Amamentação
Apoio é fundamental na amamentação!

10- O leite pode secar devido algum problema do sistema nervoso?

Não.

11 – Se eu estiver resfriada, com febre, posso dar de mamar?

Pode.

12 – Meu bebê pode estar com amarelão por causa do meu leite?

Se o bebê estiver mamando pouco, não ganhando peso, pode fazer icterícia leve.

13 – Se meu peito estiver sangrando, posso dar de mama?

Melhor suspender a amamentação por um dia, usar dersane nos mamilos. Isso vai cicatrizar rapidamente. Depois pode voltar para o seio. Nesse meio tempo esgotar o leite manualmente e oferecer ao bebê.

14- Menino mama mais que menina?

Não.

15 – Meu bebê não engorda. Será que é por causa do meu leite?

Porque ele está mamando pouco ou sua produção está reduzida. Existem medicamentos para ajudar a aumentar a produção de leite.

Amamentação

16 – Posso amamentar gêmeos? Será que eles não vão ficar com fome?

Pode sim. Se os dois estiverem ganhando peso significa que o leite está sendo suficiente para ambos.

17 – Tem diferença entre leite fraco e leite insuficiente?

Muita! Leite fraco não existe. Produção insuficiente existe. A produção de leite tem como ser melhorada.

endometriose

Dra Celeste P. Demeterco Reggiani Prizibela
Consultório de Ginecologia e Obstetrícia
Rua: Emiliano Perneta, 466 – cj 505-506
fone: 3205-2021
Leia mais sobre amamentação AQUI!

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *